Pesquisar este blog

quinta-feira, 30 de junho de 2011

http://clickjogos.uol.com.br/xadrez/
Um simples jogo ou algo mais? O xadrez é considerado de forma unânime como um entretenimento profundamente intelectual. No entanto, muitos estudiosos indicam que este esporte é também uma poderosa ferramenta educativa. A capacidade do cálculo, da concentração, a responsabilidade, e a tomada de decisões, são algumas das habilidades que a prática do xadrez na infância ajudam a reforçar. E rapidamente pode vir a se tornar – como a música – uma disciplina opcional; o Senado já deu um parecer favorável. 

Há mais de dois séculos, Goethe definiu o xadrez como “um excelente exercício mental”. Desde então, milhares de investigações têm estudado a relação entre este jogo e o intelecto humano. Os resultados delas têm sido bem similares: o xadrez influi positivamente na formação da personalidade, e sua prática ajuda os estudantes a assimilarem novos conhecimentos. 

Um dos problemas mais preocupantes para os educadores em nossos dias, e que causa a maior parte dos fracassos escolares, é o fenômeno da dispersão que sofrem os alunos. Em um contexto que cada vez oferece estímulos mais rápidos e superficiais (televisão, computadores, vídeo-games...), e que pedem menos concentração, muitos jovens encontram problemas quando se deparam com atividades que exigem um esforço mental, como um exame e o próprio estudo das matérias. O xadrez, de uma forma lúdica – já que não deixa de ser um jogo – é um excelente treinamento neste sentido, pode ajudar os alunos a disciplinar sua capacidade de concentração para poder aplicá-la nos momentos necessários. 

Mas as vantagens do xadrez não param por aí, Aprender a analisar sistematicamente os problemas, expor idéias, conclusões e soluções, avaliar antecipadamente as vantagens e inconvenientes de uma decisão, aprender a planejar, responsabilizar-se por seus atos e assumir suas conseqüências, aumentar a autonomia e controlar a impulsividade são apenas algumas das contribuições do xadrez na construção do caráter de uma pessoa.
video
Este também é um excelente vídeo continuação do primeiro muito prático e bem fácil de entender, perfeito para  quem está começando.

quarta-feira, 29 de junho de 2011

video
esse vídeo lhe mostrará muitas maneiras de desenvolver o início de uma partida de xadrez! Aproveite!
Oque é o xadrez?

Xadrez é um jogo de tabuleiro de natureza recreativa e competitiva para dois jogadores, sendo também conhecido como Xadrez Ocidental ou Xadrez Internacional para distingui-lo dos seus predecessores e de outras variantes da atualidade. A forma atual do jogo surgiu no Sudoeste da Europa na segunda metade do Século XV, durante o Renascimento, depois de ter evoluído de suas antigas origens persas e indianas. O Xadrez pertence à mesma família do Xiangqi e do Shogi e, segundo os historiadores doenxadrismo (ou xadrezismo), todos eles se originaram do Chaturanga, que se praticava na Índia no Século VI d.C
O xadrez é um dos jogos mais populares do mundo, sendo praticado por milhões de pessoas em torneios (amadores e profissionais), clubes, escolas, pela Internet, por correspondência e informalmente. Há uma estimativa de cerca de 605 milhões de pessoas em todo o mundo que sabem jogar xadrez e destas, 7,5 milhões são filiadas a uma das federações nacionais que existem em 160 países em todo o mundo.
Características de arte e ciência são encontradas nas composições enxadrísticas e em sua teoria que abrange aberturas, meio-jogo e finais, as fases em que subdividem o transcorrer do jogo. Na terminologia enxadrística, os jogadores de xadrez são conhecidos como enxadristas (ou xadrezistas ). O xadrez, por ser um jogo de estratégia e tática, não envolve o elemento sorte. A única exceção, nesse caso, é o sorteio das cores no início do jogo, já que as brancas sempre fazem o primeiro movimento e teriam, em tese, uma pequena vantagem por isso. Essa teoria é suportada por um grande número de estatísticas, embora alguns especialistas não aceitem a existência de tal vantagem.